DÚVIDAS

Melissa Machado

DÚVIDAS FREQUENTES

7 de fevereiro de 2017

MULHERES COM 40 ANOS TÊM RISCO AUMENTADO DE FILHOS COM SÍNDROME DE DOWN?

Sim. A partir dos 35 anos, ocorre um aumento no risco de filhos com síndrome de Down. Entretanto, tal risco é ainda baixo. O aumento mais considerável no risco de filhos com síndrome de Down ocorre após os 40 anos. Não há indícios do aumento do risco de doenças cromossômicas quando a idade do homem é elevada.
7 de fevereiro de 2017

POR QUE EXISTE UM RISCO AUMENTADO DE FILHOS COM PROBLEMAS GENÉTICOS EM MULHERES COM IDADE AVANÇADA?

Todas as mulheres já nascem com todos os óvulos que terão ao longo de sua vida. À medida que a mulher envelhece, seus óvulos também envelhecem e a distribuição do material genético fica comprometida. Isso faz com que haja um risco maior de óvulos com excesso ou escassez de cromossomos. A maior probabilidade de um desequilíbrio na quantidade de cromossomos é o que aumenta a chance de doenças genéticas em filhos de mulheres com idade avançada.
7 de fevereiro de 2017

E A INFERTILIDADE? QUAL É A CONTRIBUIÇÃO DA GENÉTICA NA INFERTILIDADE?

As causas genéticas correspondem a uma minoria do total de casos de infertilidade, tanto masculina quanto feminina (menos de 10%). Mesmo com todos os recursos disponíveis atualmente na Medicina, muitas vezes não é possível identificar uma causa para infertilidade do casal. Entretanto, devem ser pesquisadas todas as causas que podem ser identificadas e, principalmente, aquelas que podem ser tratadas.
7 de fevereiro de 2017

O QUE SIGNIFICA TRANSLOCAÇÃO CROMOSSÔMICA?

A translocação cromossômica é uma troca de material genético entre dois ou mais cromossomos distintos. Não há qualquer implicação clínica para o pacientes que têm um translocação balanceada (em que não existe perda de material genético), mas há um risco aumentado de abortamentos e de filhos daquele indivíduo nascerem com problemas genéticos.
7 de fevereiro de 2017

O QUE SÃO “ABORTAMENTOS DE REPETIÇÃO” PARA A GENÉTICA MÉDICA?

Atualmente, é considerado abortamento habitual ou abortamentos de repetição quando o casal tem história de 2 ou mais perdas. O casal que tem abortamentos repetidos deve procurar um médico para avaliação.
16 de fevereiro de 2017

COMO FAÇO PARA MARCAR UMA CONSULTA?

A marcação de consulta pode ser feita pelos seguintes meios: WhatsApp: (31) 9 9919-2304 no horário de 9h às 17h. Telefone: (31) 9 9919-2304 no horário de 13h às 17h. Online: Pelo site http://www.doctoralia.com.br/medico/machado+viana+melissa-12898747